quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

Encontre meu amor

                                                  Foto: Google

Perceba meu melhor, não precisa ir além
Empenhe-se em sentidos, aguce a intuição
Mergulhe na intimidade
Desvele-se em buscas distantes
Aclame inspiração
Sinta!                       

Perto e longe
Impregnado em aromas diversos
Percorre caminhos do pensamento distante
Carrega emoção e saudade
Razão e vontade

Está na palavra não dita
Na indiferença necessária
No silêncio que ecoa
No sorriso disfarçado
Na mão que esmaga o papel, que afaga

Procure no sorriso que cala
Olhar andarilho, desejo pulsante
Palavras, gestos, carícias, saudade
Lágrima contente, Felicidade aparente
Bom dia!

Mesmo transparente, ainda falta
Impossível perceber tudo que sinto
Mesmo que o coração suplique
Meu amor mesmo maduro é aprendiz                                
Corpo e mente em sintonia
Um segredo a cada dia
Ele também está no amor que ainda não fiz

Alexandre Medeiros

2 comentários:

  1. Que lindo Alexandre!
    Amei,já sou seguidora.Um beijo cheio de carinho e saudades

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigado Aninha! Beijo grande, saudades!

    ResponderExcluir